Notícias

UNIVASF segue formando Médicos de Família em Petrolina

O Programa de Residência em Medicina de Família e Comunidade da UNIVASF funciona em Petrolina desde o ano de 2010.

Na última quarta-feira, dia 27 de junho, o Programa de Residência Médica em Medicina de Família e Comunidade da UNIVASF, formou mais um Médico de Família em Petrolina-PE. Trata-se do médico Marcos Costa Santos, formado na Universidade Federal de Sergipe e que agora concluiu sua especialização e segue trabalhando na rede de Atenção Básica do município.

O tema do seu trabalho de conclusão foi sobre o seu trabalho com técnicas de auriculoterapia com a população de sua equipe de Saúde. Na ocasião da apresentação do Trabalho, o Doutor Marcos Costa apresentou metodologia e resultados do trabalho construído ao longo de 2017 na Unidade de Saúde em que foi médico residente em 2017.

Para ele, foi uma grande oportunidade ter feito a residência em Petrolina: “me formei em Aracaju e escolhi vir a Petrolina pelas referências da Residência Médica aqui implementada. Hoje olho para trás e me sinto muito grato pela oportunidade de ter feito esta especialização por aqui”, afirma Marcos Costa.

Para Wandson Padilha, Médico Preceptor do Programa de Residência e orientador do trabalho de conclusão de Marcos, os frutos serão permanentes: ‘foi um grande prazer ter tido a oportunidade de ser preceptor de Marcos. Tenho certeza que formamos um grande médico que contribuirá bastante com a saúde de nosso povo”.

Além do Preceptor Wandson Padilha, participaram da banca o professor Aristóteles Cardona Júnior e a professora Allana Moreira Silva, ambos também preceptores do Programa de Residência.

O Programa de Residência em Medicina de Família e Comunidade da UNIVASF funciona em Petrolina desde o ano de 2010 e existe graças há uma parceria que se mantém entre a UNIVASF e a Prefeitura Municipal de Petrolina.

Aristóteles Cardona Júnior
Médico de Família e Comunidade – Petrolina/PE
Professor da Universidade Federal do Vale do São Francisco
Notícias

Após divulgação de nota dos Médicos de Família Secretaria de Saúde retrocede e reafirma parceria com a Univasf

Em uma reunião que contou com a presença do reitor da universidade, Julianelli Tolentino; da secretária municipal de Saúde, Magnilde Albuquerque, além dos representantes das procuradorias do município, da Univasf e da residência médica, foi decidido a continuidade e a formalização de novo termo que amplia a parceria.

prefeitura-petro-220510

Após grande repercussão da Nota Pública divulgada ontem, 27, pela manhã, pelos médicos de Saúde da Família afirmando que a Secretaria de Saúde teria descumprido acordo entre a Prefeitura e a Univasf para a manutenção dos médicos na rede municipal, o que poderia causar grande prejuízo à população com a perda de 25 médicos, a Secretaria Municipal de Saúde realizou uma reunião na tarde de ontem em que retrocedeu e reafirmou a parceria, inclusive, prometendo ampliar o número de médicos. Confira abaixo a nota:

“Secretaria de Saúde de Petrolina reafirma parceria com a Univasf e número de médicos será ampliado nas unidades

Ao contrário do que foi divulgado na imprensa, a Secretaria de Saúde de Petrolina reafirmou, durante reunião na tarde de ontem (27), a parceria com o Programa de Residência de Medicina de Família e Comunidade (PRMFC) da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf). A nova proposta aumenta o número de residentes de 16 para 25, dando nova oportunidade de capacitação aos profissionais e ampliando o atendimento médico, qualificado e voltado para o modelo de saúde da família, nas unidades de saúde.

A reunião contou com a presença do reitor da universidade, Julianelli Tolentino; da secretária municipal de Saúde, Magnilde Albuquerque, além dos representantes das procuradorias do município, da Univasf e da residência médica, que agora irão formalizar o novo termo que amplia a parceria.

Os profissionais são devidamente acompanhados pelos seus preceptores nas unidades de saúde. A secretária Magnilde Albuquerque ressaltou a importância do programa para o município e reafirmou a continuidade da parceria. “Nessa reunião, foram discutidas as peculiaridades do programa, reforçando que o município tem todo o interesse em continuar com a residência médica, já que, compreendemos que com a qualificação profissional a população é beneficiada. A reunião foi muito proveitosa e, mais uma vez, foi ratificada a grande parceria entre a universidade e a Secretaria de Saúde”, ressaltou.

Assessoria de Comunicação da Secretaria Municipal de Saúde”