Opinião | 2 meses atrás

Racismo e morte no Carrefour são a ponta de um iceberg envolvendo multinacionais

Racismo e morte no Carrefour são a ponta de um iceberg envolvendo multinacionais

As cadeias produtivas globais que operam no Brasil estão intimamente imbricadas em problemas tão graves quanto o racismo. *Por Marques Casara

Opinião | 3 meses atrás

A inovação das candidaturas coletivas

A inovação das candidaturas coletivas

Talvez seja a reação a uma burocratização das eleições, dos candidatos e seus mandatos. Mas, pode ser muito mais, pode ser o novo horizonte da participação do povo nas eleições, não só com o voto, mas pautando suas demandas e necessidades através de grupos que se colocam no processo eleitoral para defender seus interesses. * Por Roberto Malvezzi (Gogó)

Opinião | 7 meses atrás

O sistema das artes e seu colapso

O sistema das artes e seu colapso

“E os artistas? Estão preparados para os novos tempos? Especialmente se mal sabemos quanto durarão esses tempos? Embora nem todos reconheçam, a arte enquanto trabalho, enquanto força de trabalho, é também um veículo expressivo, cuja lida tem um efeito sobre o artista, cria um corpo, conforma uma subjetividade, dá forma a certos estados afetivos”. Por Elson Rabelo

Opinião | 8 meses atrás

Uma Experiência de Aprendizagem com Manuca Almeida

Uma Experiência de Aprendizagem com Manuca Almeida

“Se fui um poeta de talento, nunca soube de alguém que tenha percebido, mas carrego na alma a sina do meu próprio abandono”. *Por Gênesis Naum de Farias

Opinião | 8 meses atrás

As feiras e os feirantes em tempos de pandemia: duas situações divididas por uma ponte

As feiras e os feirantes em tempos de pandemia: duas situações divididas por uma ponte

Juazeiro e Petrolina servem como retrato social dos feirantes em todo o país que vivem dilemas parecidos. Se continua o funcionamento normal das feiras, temos um problema de saúde pública, se fecham, temos um problema econômico e de subsistência sério. Mas, qual seria a melhor solução? *Por Luan Makini

Opinião | 8 meses atrás

A política da morte em tempos de pandemia no Brasil

A política da morte em tempos de pandemia no Brasil

A tragédia do coronavírus na sociedade é ainda maior e mais grave para as populações periféricas, para as minorias, para as mulheres negras pobres, para a população do campo, para os povos indígenas, pois vivemos a ausência de um Estado que invista nas políticas públicas e sociais a serviço da vida do povo.* Por Manuela Garcia e Kalline Laira